RELEMBRANDO

DO ECONOMATO À PRESIDÊNCIA

 

 

Margot Dal Ri Rost, neta do ex-presidente Guilherme Dal Ri, conta que seu avô associou-se à Recreio, logo que veio residir em Gramado, em 1937.

 

Margot Dal Ri Rost, Relembrando na Recreio.

 

“Na época a igreja e o clube eram o ponto de encontro da sociedade gramadense. O nome escolhido para a Sociedade Recreio Gramadense, já dizia tudo. Casado com Albina Domenica Casagrande tiveram três filhos. Moravam na pensão dos Manea que ficava ao lado da Igreja São Pedro, em construção. Trabalhava na medição das pedras. Algumas chegavam de trem e outras eram retiradas de onde hoje se situa o Hotel Casa da Montanha”, conta.

 

 Construção da Igreja Matriz São Pedro e moças da sociedade. Ao fundo a Pensão dos Manéa. Foto: Acervo Pessoal

  

Em 23 de maio de 1939, Guilherme assumiu o economato da Recreio e ali foi morar com sua família. “Para servir bem aos frequentadores, meu avô tornou-se representante comercial da Cervejaria Continental, mais tarde denominada Brahma", diz.

Ilso, Milse, Ione, Nelso, Guilherme, Martgot e Margareth. Foto: Acervo Pessoal

 

Recorda que a cerveja vinha de trem de POA e de carroça até a Sociedade. “O meu pai, Nelson, transportava as cervejas em carrinho de mão até as bodegas mais próximas. Eram comuns os jantares baile para movimentar a cidade. Minha avó e minha tia Milse preparavam pastéis e buchada. Quase todas as noites, aconteciam jogos de cartas e aos fins de semana, bolão. Meu tio e meu pai serviam as mesas e arrumavam os paus para os jogos de bolão até a madrugada. No dia seguinte, levantavam cedo para ir ao escola Santa Terezinha.”

 

Colégio Santa Terezinha. Foto: Arquivo Publico João Leopoldo Lied

 

Ela lembra que sua tia Milse contava muitas histórias sinistrars sobre o antigo prédio de madeira da Recreio com escadarias para os quartos, onde moravam. “Certa vez ela disse que estava descendo no escuro para ir até o banheiro e ouviu ruídos assustadores. Ao virar-se deparou-se  com tampinhas de garrafa rolando escadaria abaixo sem saber de onde vinham”, fala Margot.

 

Tia Milse. Foto: Acervo Pessoal

 

 Café Brasil, inaugurado na década de 50. Família Dal Ri. Foto: Acervo Pessoal

 

Em 1952 seu avô Guilherme Dal Ri assumiu a presidência da sociedade Recreio. “Estavam bastante adiantadas as obras da nova sede social e havia dificuldades em conseguir verbas em nome da Recreio, por ser um clube. Meu avô conseguiu um empréstimo para a sociedade em seu nome junto à Caixa Rural União Popular de Taquara”, conta. Ao fim dos 4 anos de sua diretoria, concluíram as dependências da Sociedade Recreio Gramadense.

 

Inauguração da Sociedade Recreio Gramadense:

Hugo Daros, Walter Bertolucci, Carlos Nelz, Leopoldo Rosenfeldt, Hermann Ulrich Nelz (Dr. Uli), Beno Ruschel, Guilherme Dal Ri. Foto: Acervo Pessoal

 

  

APOIO: